UA-60948935-1

Brasil na 4ª China Charity Fair em Shenzhen | Mapa da Educação Internacional | MAPAei

26 outubro 2015
Comments  0

 

The 4th China Charity Fair

No final de setembro, aconteceu em Shenzhen The 4th China Charity Fair. O convite, publicado no site do evento, o qual reescrevi em português para vocês, relata de forma clara e até meio poética o objetivo da feira.

“Se você está caminhando pela estrada da promoção do bem-estar público e tem o desejo de compartilhar sua experiência com a gente, por favor venha para a China Charity Fair. Se você tiver pensamentos profundos e idéias originais sobre a causa do bem-estar público e da caridade, por favor, venha para a China Charity Fair. Se você tem um projeto que precisa de financiamento ou um financiamento para destinar a um projeto, por favor, venha para a China Charity Fair. Se você está entusiasmado com a causa do bem-estar e da caridade pública e anseia por um mundo melhor, por favor, venha para a China Charity Fair. Ela é a plataforma de intercâmbio mais eficaz para promoção do bem-estar e da caridade. É o lugar onde florescem o calor humano e o amor. Ela oferecerá a você a oportunidade de ouvir a voz dos sábios e absorver a força de idéias brilhantes. Se a participação de uma única pessoa pudesse ser comparada a uma borboleta batendo suas asas, a participação de todos vocês seria como de milhões de borboletas em vôo, o que certamente acarretaria um efeito borboleta ao bem-estar público e à  caridade na indústria chinesa. A caridade faz a China mais bonita.A caridade faz uma sociedade melhor.”

Ainda segundo o site do evento, apesar da China ter desacelerado o crescimento da economia, as doações para caridade seguiram em alta velocidade. Em 2014, o país recebeu 104.226 bilhões de yuans em doações nacionais e internacionais. Ma Yun Cai e Chongxin, do Alibaba Group, fizeram a maior doação individual desde 1949:  2% do capital do Alibaba. Estima-se que as horas de serviço voluntário bateram mais de 1.900 milhões. Os três setores que mais receberam investimento foram o da educação, da ajuda humanitária e do alívio da pobreza. As empresas privadas e as empresas de capital estrangeiro foram a principal fonte de doação, representando, respectivamente, 44% e 36% da doação de todo ano, respectivamente.

A quarta edição da feira da caridade cedeu, pela primeira vez, espaço para representantes internacionais exporem os seus trabalhos. O Brasil veio representado pela Dra. Deá Teresa Torres do Expedicionários da Sáude e Sung Tien Lo, intermediador das negociações entre o Santos Futebol Clube e a China.

O Expedicionários da Saúde é uma organização que reúne médicos voluntários em expedições que levam medicina especializada, principalmente atendimento cirúrgico, às populações indígenas da Amazônia brasileira.O Expedicionários da Saúde implantou em 2004 o Programa Operando na Amazônia e foi reconhecida pela Fundação Banco do Brasil, Petrobrás e UNESCO como tecnologia social eficiente, uma das três melhores da região sudeste em 2007.

O estande atraiu a atenção de muitas pessoas curiosas sobre o trabalho realizado pelos expedicionários e ávidos por ganhar uma camiseta autografada pela Déa. O sucesso foi tanto, que a Dra. Déa foi convidada a fazer uma apresentação do projeto no palco principal da feira.

The 4th China Charity Fair-Sung

The 4th China Charity Fair-Expedicionários da Saúde

Expedicionários da Saúde na China

O Santos Futebol Clube foi escolhido por empresários brasileiros e sino-brasileiros para contribuir, junto com outros clubes de todas as partes do mundo, com a meta do presidente da China, Xi Jinping, de fundar 50.000 escolinhas de futebol até 2020. A parceria do governo chinês com o Santos se dará atráves da venda de jogadores, principalmente da categoria sub 23; do intercâmbio de jogadores chineses que desejam treinar por um tempo no Brasil e pela criação de escolas de futebol na China com a chancela do Santos.

Santos Futebol Clube na China

Esses dois projetos, provavelmente desconhecidos da maioria dos brasileiros, levaram um pouco do Brasil para a China e com certeza ajudaram a reforçar a percepção internacional de que somos um dos países mais solidários do mundo. Nosso muito obrigado à Déa e Sung por nos representarem tão bem!

 

The 4th China Charity Fair

http://www.cncf.org.cn/

Expedicionários da Saúde

http://www.eds.org.br/

 

Christiane Dumont

Christiane Dumont é publicitária e vive há quase quatro anos em Shenzhen. Casada, mãe de 3 filhos, ela trabalha fornecendo suporte a brasileiros que desejam fazer negócios, estudar ou conhecer a China. Christiane também escreve para sites e mídias sociais e atua como gerente de marketing de um centro de língua e cultura que visa estreitar as relações entre chineses e estrangeiros do mundo inteiro. Ela é parceira exclusiva da MAPAei na área de educação e organiza o Programa Welcome Plus em Shenzhen.

Comments are closed.