fbpx

Orientação Intercultural: como se preparar para o sucesso do seu intercâmbio - MAPAei

24 agosto 2016
Comments  0

Há um dito que exalta : Quem diz que a melhor fase da vida é a infância, é porque nunca fez intercâmbio!”

Após 5 experiências de intercâmbio, de estudos e trabalhos, acredito que o intercâmbio é realmente uma experiência fascinante onde temos contato com diversas situações que tendem a fortalecer nosso aprendizado e nos enriquecem enquanto pessoas.

Mas você já pensou o que faz desta fase um sucesso e quais os desafios envolvidos?

Ao longo desta jornada que você pretende iniciar, ou que está vivenciando, muitos serão os desafios que o acompanharão na sua experiência, mas vamos destacar três:
1- A Cultura: a cultura (brasileira e do país em que você viverá) irá impactar, de alguma forma, o seu intercâmbio.
2-  As Diferenças: na comunicação (e não apenas no idioma),na percepção, nos comportamentos, na alimentação, no clima –  você as vivenciará!
3- Os Sentimentos e Sensações: medo, frio na barriga, saudade, desejo de superação, ambiguidade – alguns destes te acompanharão na sua caminhada.

O qu7822101134_86190c8ed9e vai te auxiliar a ter sucesso no seu intercâmbio, acredite, não é a proximidade da sua acomodação com a escola, o clima favorável ou fatores da alimentação, 

mas

são as relações e conexões que você vai estabelecer com as pessoas e como você vai lidar com as diversas situações que vivenciará durante esta fase da sua vida.

 

 

E então podem surgir pensamentos como: “Ah Karen, mas eu sou brasileiro né?! Darei um jeitinho para me virar por lá”!

Pensamentos como este nos levam a identificar alguns comportamentos e atitudes implícitos, como:

– o famoso “jeitinho brasileiro” – cuidado! ele não é válido em outros contextos;

– uma postura de “deixa a vida me levar, vida leva eu..” – ausência de planejamento e preparação;

– crença de que o nosso comportamento, é em certo momento, superior – etnocentrismo*.

E afinal, como podemos nos preparar para estas experiências?

Os convido a conhecer uma novo elemento do seu programa de intercâmbio ,tão importante quanto os demais itens – escolha do país, da escola, do tipo de acomodação: a Interculturalidade.

Por meio da interculturalidade, busca-se:

* Facilitar o processo de adaptação, intercâmbio e diálogo cultural, utilizando-se de competências interculturais;

* Promover encontros interculturais proveitosos e o bem estar ao viver em um outro país;

* Educar-se para a tolerância e a diversidade ao aprender com aquilo que diverge de você;

* Para além de conhecer um cultura, é compreendê-la!

Tais competências e habilidades interculturais , das quais precisamos nas situações de intercâmbio para lidar com as situações que vivenciaremos, não são naturais em nós e precisamos, assim como qualquer outra competência, desenvolvê-las!

Se você prepara tantas coisas para o intercâmbio – a agência, a escola, o país, o visto, entre tantos outros – porque não preparar o elemento mais importante nesta aventura?  VOCÊ!

A MAPAei te auxilia também nesta jornada!

 

Ícone Orientação InterculturalOferecemos uma orientação intercultural que visa preparar você, estudante e profissional ,para situações que irá vivenciar ao longo do seu intercâmbio – sentimentos, fases de adaptação, comunicação intercultural, percepções –  propondo estratégias para contribuir com o sucesso do seu sonho de intercâmbio.

Queremos colocar  na sua bagagem, além dos seus itens pessoais, elementos como: flexibilidade, tolerância, respeito, iniciativa, observação, curiosidade e protagonismo!

 

E lembre-se: quem vai não é o mesmo que volta!

______________________________________________________________________________

* Etnocentrismo: se faz presente quando compreendemos e enxergamos o outro, a outras culturas, considerando a nossa própria cultura, opinião ou realidade como a “normal”, superior ou ainda, a única válida. O oposto trata-se do relativismo cultural.

 

Karen Góes- Foto

Karen Goes é Psicóloga com atuação em capacitação Intercultural e de Gestão de Pessoas, Coordenadora de treinamento intercultural para imigrantes e refugiados pela SIETAR e responsável pelo serviço de Orientação Intercultural da MAPAei.

 

 

 

 

Comments are closed.

shares